Principais tendências no consumo e na produção de pão

O pão, para além de ser um alimento antigo e altamente nutritivo, é um dos alimentos básicos da dieta mediterrânica e das pirâmides da alimentação saudável.

Os especialistas recomendam a sua ingestão em quase todas as refeições do dia, uma vez que fornece hidratos de carbono, proteínas de cereais, vitaminas e minerais.

Por isso, hoje gostaríamos de falar sobre as tendências mais importantes no consumo e na produção de pão:

  • Melhorar o perfil nutricional: eliminar ou reduzir os ingredientes que afectam negativamente o seu valor nutricional (como os açúcares, as gorduras ou o sal), utilizar farinhas completas ou enriquecê-las com proteínas, fibras, vitaminas e minerais ajudará a melhorar o Nutriscore e a aumentar a sua atratividade.
  • Melhorar as receitas para melhorar a digestão: por vezes, o desconforto digestivo pode ser um impedimento para comer pão. No entanto, podemos obter pães benéficos para a saúde intestinal utilizando ingredientes com baixo teor de FODMAP, como farinhas sem glúten, utilizando grãos, sementes, fibras ou probióticos, ou fazendo fermentações longas, idealmente com massa fermentada.
  • Oportunidades nos alimentos para bebés: são poucos os lançamentos de produtos especificamente destinados às crianças (menos de 1% do total de lançamentos na Europa). Este facto é surpreendente, uma vez que as crianças constituem uma grande oportunidade, especialmente nos pães destinados a pais preocupados com a nutrição dos seus filhos.
  • Sem ingredientes indesejáveis: os consumidores procuram rótulos isentos de elementos que consideram artificiais ou prejudiciais para a saúde, como o óleo de palma. É por isso que a oferta de pães biológicos com rótulo limpo, sem corantes, conservantes ou aromatizantes artificiais, está a aumentar constantemente.

Conhecer estas tendências pode não só ajudá-lo a definir o foco do seu negócio, mas também ajudá-lo a obter o equipamento ideal para a sua padaria.

Artigos mais recentes

Tem uma ideia ou um projeto em mente?

ARTIGOS RELACIONADOS